Pesquisar neste blogue

PROPÓSITO

A CONEXÃO RÁPIDA, CRÍTICA, ENTRE A IMAGEM E A PALAVRA.

O MUNDO E CONTROVÉRSIA.

A ARTE E A POESIA SOBRE A MESA.

A LIGAÇÃO A OUTROS BLOGUES.

PORTUGAL IMAGES:

PORTUGAL IMAGES:
ENTRER ... LA PORTE EST OUVERTE.

DUBITO ERGO COGITO ERGO SUM

DUBITO ERGO COGITO ERGO SUM
CLICAR NA IMAGEM

LEV NIKOLÁIEVICH TOLSTÓI


"Mas a verdade é que não só nos países autocráticos como naqueles supostamente livres - como a Inglaterra, a América, a França e outros - as leis não foram feitas para atender à vontade da maioria, mas sim à vontade daqueles que detêm o poder."
Léon Tolstoi - 1828/1910 
Léon Tolstoi faleceu a 20 de Novembro de 1910, com 82 anos. Quinze dias depois da sua morte, a 5 de Outubro seria implementada a República em Portugal, após o regicídio do Rei D. Carlos e do príncipe D. Luís Filipe, no Terreiro do Paço, a 1 de Fevereiro de 1908. Tolstoi tinha um pensamento que era conotado, no tempo, como anarquista. Portugal mergulhou depois num caos político e económico até ao Estado Novo Salazarista, com uma ditadura que durou quarenta anos, até ao 25 de Abril de 1974 (Revolução dos Cravos). A sua obra mais lida, épica do cinema, foi “Guerra e Paz” (romance, 1865-1869) que descreve a invasão napoleónica à Rússia em 1812, durante a qual os russos incendiaram Moscovo.  Após mais de 100 anos da sua morte, as suas palavras continuam a estar plenamente actualizadas.    
http://www.youtube.com/watch?v=yP850OzGTYY&feature=related

Sem comentários: