Pesquisar neste blogue

PROPÓSITO

A CONEXÃO RÁPIDA, CRÍTICA, ENTRE A IMAGEM E A PALAVRA.

O MUNDO E CONTROVÉRSIA.

A ARTE E A POESIA SOBRE A MESA.

A LIGAÇÃO A OUTROS BLOGUES.

PORTUGAL IMAGES:

PORTUGAL IMAGES:
ENTRER ... LA PORTE EST OUVERTE.

DUBITO ERGO COGITO ERGO SUM

DUBITO ERGO COGITO ERGO SUM
CLICAR NA IMAGEM

ANJO ÉS


Anjo és tu, que esse poder
Jamais o teve mulher,
Jamais o há-de ter em mim.
Anjo és, que me domina
Teu ser o meu ser sem fim;
Minha razão insolente
Ao teu capricho se inclina,
E minha alma forte, ardente,
Que nenhum jugo respeita,
Covardemente sujeita
Anda humilde a teu poder.
Anjo és tu, não és mulher.

Anjo és. Mas que anjo és tu?
Em tua fronte anuviada
Não vejo a c'roa nevada
Das alvas rosas do céu.
Em teu seio ardente e nu
Não vejo ondear o véu
Com que o sôfrego pudor
Vela os mistérios d'amor.
Teus olhos têm negra a cor,
Cor de noite sem estrela;
A chama é vivaz e é bela,
Mas luz não têm. - Que anjo és tu?
Em nome de quem vieste?
Paz ou guerra me trouxeste
De Jeová ou Belzebu?

Não respondes - e em teus braços
Com frenéticos abraços
Me tens apertado, estreito!...
Isto que me cai no peito
Que foi?... - Lágrima? - Escaldou-me...
Queima, abrasa, ulcera... Dou-me,
Dou-me a ti, anjo maldito,
Que este ardor que me devora
É já fogo de precito,
Fogo eterno, que em má hora
Trouxeste de lá... De donde?
Em que mistérios se esconde
Teu fatal, estranho ser!
Anjo és tu ou és mulher? 

Almeida Garrett, in 'Folhas Caídas'

PAVARITTI AND SKUK ANANSIE (video)


José Carlos Pereira Ary dos Santos (biografia)


Original é o poeta
que se origina a si mesmo
que numa sílaba é seta
noutro pasmo ou cataclismo
o que se atira ao poema
como se fosse um abismo
e faz um filho ás palavras
na cama do romantismo.
Original é o poeta
capaz de escrever um sismo.

Original é o poeta
de origem clara e comum
que sendo de toda a parte
não é de lugar algum.
O que gera a própria arte
na força de ser só um
por todos a quem a sorte faz
devorar um jejum.
Original é o poeta
que de todos for só um.

Original é o poeta
expulso do paraíso
por saber compreender
o que é o choro e o riso;
aquele que desce á rua
bebe copos quebra nozes
e ferra em quem tem juízo
versos brancos e ferozes.
Original é o poeta
que é gato de sete vozes.

Original é o poeta
que chegar ao despudor
de escrever todos os dias
como se fizesse amor.
Esse que despe a poesia
como se fosse uma mulher
e nela emprenha a alegria
de ser um homem qualquer. 

Ary dos Santos 

EDGAR ALLAN POE (biografia)



Pensamentos:

"Tudo o que vemos ou parecemos não passa de um sonho dentro de um sonho."

"Para se ser feliz até um certo ponto é preciso ter-se sofrido até esse mesmo ponto."

POEMA:

Alone

From childhood's hour I have not been
As others were--I have not seen
As others saw--I could not bring
My passions from a common spring--
From the same source I have not taken
My sorrow--I could not awaken
My heart to joy at the same tone--
And all I lov'd--I lov'd alone--
Then--in my childhood--in the dawn
Of a most stormy life--was drawn
From ev'ry depth of good and ill
The mystery which binds me still--
From the torrent, or the fountain--
From the red cliff of the mountain--
From the sun that 'round me roll'd
In its autumn tint of gold--
From the lightning in the sky
As it pass'd me flying by--
From the thunder, and the storm--
And the cloud that took the form
(When the rest of Heaven was blue)
Of a demon in my view—
by Edgar Allan Poe  -  TRADUÇÃO

CAVACO SILVA 2011

A CONTINUIDADE...
OUTRAS MANEIRAS DE VER:
NAS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS DE 24 DE JANEIRO DE 2011,
A ABSTENÇÃO FOI DE 53,37% E O PRESIDENTE FOI REELEITO COM 52,94% DOS VOTANTES ACTIVOS DO ELEITORADO, APOIADO PELOS PARTIDOS DA DIREITA.
FAZENDO AS CONTAS, EM BOA MATEMÁTICA, FOI REELEITO POR CERCA DE 1/3 DOS PORTUGUESES, APÓS "CEM ANOS" DA IMPLEMENTAÇÃO DA REPÚBLICA EM PORTUGAL OCORRIDA A 5 DE OUTUBRO DE 1910.
http://www.portugaldigital.com.br/noticia.kmf?cod=11363770 
NOTA: A MONARQUIA CONSTITUCIONAL SERÁ UMA ALTERNATIVA...?!
PERGUNTA-SE: POR QUE NÃO FAZEM UM REFERENDO...?


OBVIAMENTE APARTIDÁRIO


MAS NEM TODOS PODEM TER TANTO COMO TEVE:
  LULA DA SILVA.

GIUSEPPE MAZZINI (Biografia)



PENSIERI DI GIUSEPPE MAZZINI:


“Il mondo non è uno spettacolo, ma un campo di battaglia.

“Imparano più i popoli da una sconfitta, che non i re dal trionfo.

“L'educazione è il pane dell'anima.


"Aquele que pode negar Deus diante de uma noite estrelada, diante da sepultura das pessoas que mais estima, diante do martírio, é muito infeliz ou muito culpado"







Noite de Estrelas 
de 







A MULHER SÓ


“…DEUS DEU AINDA AO HOMEM UMA MULHER FORMADA DA SUA PRÓPRIA COSTELA, PARA QUE ELE NÃO SE SENTISSE SÓ…”




E A MULHER FICOU SOZINHA À ESPERA :


A MULHER QUE PASSA 
Meu Deus, eu quero a mulher que passa 
Seu dorso frio é um campo de lírios 
Tem sete cores nos seus cabelos 
Sete esperanças na boca fresca! 
Oh! como és linda, mulher que passas 
Que me sacias e suplicias 
Dentro das noites, dentro dos dias! 

Teus sentimentos são poesia 
Teus sofrimentos, melancolia. 
Teus pelos leves são relva boa 
Fresca e macia. 
Teus belos braços são cisnes mansos 
Longe das vozes da ventania. 

Meu Deus, eu quero a mulher que passa! 

Como te adoro, mulher que passas 
Que vens e passas, que me sacias 
Dentro das noites, dentro dos dias! 
Por que me faltas, se te procuro? 
Por que me odeias quando te juro 
Que te perdia se me encontravas 
E me concontrava se te perdias? 

Por que não voltas, mulher que passas? 
Por que não enches a minha vida? 
Por que não voltas, mulher querida 
Sempre perdida, nunca encontrada? 
Por que não voltas à minha vida 
Para o que sofro não ser desgraça? 

Meu Deus, eu quero a mulher que passa! 
Eu quero-a agora, sem mais demora 
A minha amada mulher que passa! 

Que fica e passa, que pacífica 
Que é tanto pura como devassa 
Que bóia leve como a cortiça 
E tem raízes como a fumaça.



JOSÉ RÉGIO (biografia)


Surge Janeiro frio e pardacento,
Descem da serra os lobos do povoado;
Assentam-se os fantoches em São Bento
E o Decreto da fome é publicado.
Edita-se a novela do Orçamento;
Cresce a miséria ao povo amordaçado;
Mas os biltres do novo parlamento
Usufruem de seis contos de ordenado.
E enquanto à fome o povo se estiola,
Certo santo pupilo de Loyola,
Mistura de judeu e de vilão,
Também faz o " sacrifício "de trinta contos-só!-por seu ofício
Receber, a bem dele...e da Nação.
Poema de 1969.
Nota: Um vencimento médio em Portugal em 1969
era de 800$00. Já naquele tempo os deputados
recebiam 6.000$00.  

PETIÇÃO CONTRA A CORRUPÇÃO.


Iniciativa:

Enriquecimento ilícito: Leia e assine já a petição do CORREIO DA MANHÃ

( PARA LER A NOTÍCIA OU ASSINAR A PETIÇÃO BASTA CLICAR ACIMA OU NO TÍTULO)


NOTA: Exclusiva a cidadãos nacionais (Europeus Legalizados)  ou estrangeiros recenseados.

PESSOAS


"O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis."

SABEM QUEM É ESTE HOMEM?


Sabem quem é este homem?! Como já escrevi é, de seu nome, simplesmente Nick Vujicic, nascido em Melbourne, na Austrália. 
Até agora tudo bem... Isso é o mais natural, comum de alguém e de toda a gente com um nome e nascida algures... Mas não é isso surpreendente, fora do comum, extraordinário; sem mais delongas, adjectivos óbvios, nem palavras que se inventem para acrescentar, porque as não descortino no léxico universal, advirto-vos assim da sua existência: "Ecce Homo"!
Quem já conhece a pessoa, o seu ânimo, nada mais há para esclarecer mas, quem a quiser ver pela primeira vez, como eu vi, prepare-se porque a emoção é inevitável...! 
Veja e sinta a força, o poder natural de alguém que nos faz sentir infinitamente quanto "pequenos" nós somos.
Para Ver o vídeo basta clicar no nome ou título acima.

O MUNDO DA GENTE

AS SETE MULHERES DE QUEM O MUNDO DEVE MEMÓRIA

Angela Merkel

Benazir Bhutto

Corazon Aquino

Golda Meir

Indira Gandhi

Margaret Thatcher


Sirimavo Bandaranaike